Os Créditos para os Textos Seleccionados, a partir de Obras adquiridas, pertencem INTEGRALMENTE ao(à) seu(sua) Autor(a) ou Descendentes e Herdeiros e respectiva Editora. Os textos que não possuam a referência do Livro de origem, foram-nos enviados por amigos ou por pesquisas na net, pelo que, se alguma Entidade ou Indíviduo, considerar que estarmos a violar os seus direitos, por favor contacte-nos, e o(s) texto(s) serão prontamente retirados, assumindo que a queixa seja devidamente fundamentada.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Cais das colunas

CAIS DAS COLUNAS


De pálpebras ancoradas nos rio
transbordante de sonhos,
vi-te chegar.

Com palavras macias
e uma chuva de gaivotas
no olhar.


Luís Filipe Maçarico (Lisboa, asas de água)



Luís Filipe de Almeida Vitória Maçarico nasceu em Évora, mas é em Lisboa que reside há já quarenta e um anos.
Está incluído em várias colectâneas, como “O Poeta faz-se aos dez anos”, “Cadernos Despertar – 1 “, e “O desporto na poesia Portuguesas”.
Com versos publicados em vários jornais e revistas, obteve já vários prémios em concursos literários.
Tem publicados alguns livros de poemas, como “Da água e do vento”, “ Mais perto da terra”, “A essência”, e “ Lisboa, asas de água”.

2 comentários:

Paula disse...

Parabéns pelo blog e pelas palavras!
Bonitas poesias!
Abraço

oasis dossonhos disse...

Amigo bem haja pela escolha deste meu poema e por este espaço simpático, de partilha cultural.
Abraço
Luís